29.8.16

AS FÉRIAS

Este ano já tínhamos decidido que não íamos fazer férias* muito longe. Muito menos iria escolher o Algarve como destino, até porque, nunca foi um sitio que gostasse muito. Sou da opinião que o dinheiro que gastamos lá, é um bom investimento nas ilhas espanholas e afins. Já para não falar da viagem insuportável que me deixa aborrecida. Em trabalho, tudo é diferente. Ou levamos os filhos, ou ficam com aquela pessoa por quem dávamos a cabeça. Não é o meu caso e por capricho não faria uma viagem longa com a minha filha de 10 meses. Já sei que muitas de vocês me vão dizer que já foram, já fizeram, já é crescida o suficiente para enfrentar essas coisas, bem, eu não concordo. Por isso mesmo, e também por termos projectos em mãos, não fomos para longe, mas foram umas férias muito agradáveis, bastante tranquilas. Conseguimos ir para a praia sem ter uma multidão a esbarrar na nossa toalha, nadamos na piscina com a nossa filha sem precisar de chamar atenção de crianças que adoram fazer "bomba" para a água, dormimos muitas sestas juntos, jantámos em bons restaurantes e cedo como eu adoro, passeamos à noite sem vento, o que é difícil cá no Norte, mas digo-vos, a sorte esteve do meu lado e proporcionou-me 15 dias maravilhosos. 

E por falar em férias, sol, praia e piscina, mantive o meu registo dos últimos anos e consegui vestir todos os meus fatos-de-banho. Apesar de estar com mais uns centímetros de anca, coxas, de ainda não ter feito desaparecer totalmente a barriga pós-gravidez, senti-me muito bem. Uma verdadeira mãe. Sem preconceito. 



* a mãe jamais tira férias, apenas muda de residência por uns dias e não tem de cozinhar para os grandes. De resto, tudo se mantém-se, porque eu faço muita questão de saber, o que estou a dar de comer à minha filha.

Beijos.
A mãe, Lígia Antelo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...